TITLE

DESCRIPTION

Noite de autógrafos 2012

Noite de autógrafos no Sítio

A noite de 6 de dezembro foi marcada
pelo lançamento de dois livros na Escola do Sítio: Baú de Histórias, coletânea de contos do 6º ano e Poesia Inquieta, coletânea de poemas do
7º.

O trabalho de elaboração desses livros
não se restringe apenas à produção dos textos, mas tem como base o projeto de
leitura da escola para todos os anos do Fundamental II.

Em 2012, além das leituras individuais
semanais das bibliotecas de classe e da Escola, os alunos do 6º ano percorreram
uma trajetória que envolvia o estudo dos contos maravilhosos e de sua estrutura,
a leitura e discussão dos livros Haroun e
o mar de histórias,
de Salman Rushdie, e Contos e Lendas das Mil e Uma Noites, editado pela Cia das Letras.
Paralelamente às leituras havia o trabalho de ilustração, na disciplina de
Artes.

Os
contos, histórias fantásticas, maravilhosas, de fadas, de mistério, de memórias
ou até mesmo românticas, em alguns casos, trazem o universo adolescente aos
leitores deste livro feito com vontade de agradar, de encantar aquele que lê.

O
tempo de produção foi longo, o detalhamento de imagens, para alguns que
perceberam o valor do exercício de facção e refacção, trouxe maturidade e organização
ao trabalho que, a princípio, parecia apenas necessitar de criatividade e
inspiração.

Já o lançamento de Poesia Inquieta traz os textos dos
adolescentes para os adolescentes.

Elas traduzem um pouco das dúvidas,
interesses, sonhos, paixões, enfim, tudo aquilo que os faz refletir e, quem
sabe, apenas soltar a imaginação ou apontar o humor em algumas situações.

O trabalho com poesia passou pelo
encanto da declamação de poetas famosos, da leitura de textos poéticos diversos
por professores e alunos, do reconhecimento das rimas, estrofes, do ritmo e,
até mesmo, pela visibilidade dos poemas concretos.

Houve a leitura e discussão de dois
livros de poesia: Chão de Vento, de
Flora Figueiredo e Meu coração é tua
casa,
de Federico Garcia Lorca, além do filme “O carteiro e o poeta”,
trazendo o interesse pela poesia de Pablo Neruda.

Durante todo esse percurso, foram
incentivados a produzir seus próprios textos, dentro dos temas que surgiam nas
aulas e discussões.

Após esse primeiro trabalho, partiu-se
para a escolha individual de cinco textos, feita pelos próprios autores e,
depois, pela seleção de dois textos feita pela comissão julgadora, formada por
professores integrantes do projeto e pela coordenação pedagógica.

O último passo, a escolha do título,
fechou com perfeição o trabalho inquieto de uma poesia inquietante produzida
pelo 7º ano de 2012.

Fernanda Torresan
(professora de Português)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *